CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
ContatoContato
LinksLinks
Paulo Vasconcellos
Contos, Crônicas e Poesias
Textos


Serenidade ao concluir

Apenas um flerte
Apenas uma aparição em lugar indevido
Sobretudo um lugar que marque
O que não pode ser revelado
Num determinado momento
Espraiam-se os pensamentos
Que evoluem a cada instante
Tornando notáveis as mesclas introdutivas
de uma razão consonante ao óbvio.
Faço as minhas ponderações
na tentativa de azeitar os meus caprichos
Mesmo que eles sejam timidamente demonstrados.
Resta-me uma conclusão:
Vou construir versos que recomendem
a inclusão de variadas interpretações
condicionadas a termos enfáticos
Que se adicionam a cada modo de expressar
Sendo assim...
Recorro ao abstrato e até ao subjetivo
Podendo analisar com mais precisão.
Ergo a minha cabeça
Absorvendo quão é grande a seiva do amor
Mútuo e verdadeiro
Agregado à Fé em Deus
Munido de sagaz tenacidade
Sutileza que se aprimora
à eminente autonomia
Retas e metaforizadas frases
Engravidadas pelo sêmen da reprodução
Enriquecido de células conservadas
Extenso capítulo da motivação.

imagem: Divulgação google.
Paulo Vasconcellos
Enviado por Paulo Vasconcellos em 11/04/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários